Dicas para ter um negócio artesanal de sucesso

 em Sourdough

Viver de artesanato é o seu sonho? Se a resposta for sim, saiba que é possível transformar o artesanato em uma forma de renda.  Com a economia criativa em constante crescimento, o artesanato tem sido uma ótima opção para empreendedores com talentos manuais. E sem contar que fazer algo prazeroso e ainda assim rentável é excelente. 

A busca por negócios inovadores, preocupação social e consumo consciente também são fatores que contribuem para o crescimento das atividades artesanais. A profissionalização dos produtos manuais, a simplicidade e a beleza conquistam mercados nacionais. E com a internet, as vendas ficam cada vez mais fáceis já que por meio das redes sociais e e-commerce é possível divulgar os produtos para diferentes públicos. 

Mas agora vamos ao que mais interessa: ganhar dinheiro vendendo artesanato. Você sabe como transformar o trabalho manual e artesanal que faz em sua casa em um negócio lucrativo? Neste conteúdo separamos algumas dicas valiosas para ajudar você a começar o seu negócio. 

 

Defina o segmento de mercado

Vamos ao primeiro passo: você deve escolher os produtos que serão comercializados. Isso definirá o segmento de mercado no qual seu negócio irá se encaixar, servindo também como ponto de partida para definir preços, formas de distribuição e local de venda. 

Seus produtos devem atender a necessidade do cliente e também atingir as pessoas certas. Ou seja, aquele público que você já conhece e sabe quais são os seus desejos e preferências.

 

Invista em capacitação para a gestão do negócio

A capacitação é um ponto muito importante e que não deve ser deixado de lado, principalmente para quem está começando a empreender. E muitos artesãos cometem o erro de pensar que somente suas habilidades para confecção de seus produtos é o suficiente para ganhar dinheiro.  Mas a grande verdade é que todo o empreendedor que quer aumentar suas chances de sucesso deve se capacitar em diversas áreas para assim conquistar o sucesso. 

Por isso, além de pensar sobre seu público e criar sua loja, é necessário definir seu preço de mercado corretamente. Pesquise custos fixos e custos variáveis para então ter uma visão mais abrangente de lucro e ganho. É preciso saber até onde pode negociar e dar descontos, para não acabar em prejuízo. E para isso, serão necessários conhecimentos de finanças, vendas e até mesmo de marketing, assim será possível manter uma gestão saudável e controlada. 

 

Saiba divulgar e vender na Internet

Mesmo que você opte por investir na venda em ponto físico, não deve deixar de lado a internet como um meio de divulgação de seus produtos. Mais do que nunca, as pessoas estão conectadas e buscam por produtos através das redes sociais, por isso é tão importante divulgar seus produtos em seus perfis de Facebook e Instagram. 

Investir em um e-commerce pode ser uma boa ideia para realizar suas vendas. Principalmente levando em consideração o atual momento de pandemia. 

 

Repasse a valorização que seu trabalho merece a seu cliente

Habilidade e tempo. Estes são dois fatores que devem ser valorizados neste trabalho e que muitos artesãos podem acabar deixando de lado. Tenha em mente todo seu trabalho tem extremo valor, afinal de contas não é qualquer um que tem disciplina e talento para fazer artesanato. Sendo assim, defina seus horários de trabalho, respeite-o, tenha responsabilidade com seus clientes e acima de tudo respeite os prazos. 

Você valoriza seu trabalho? Então repasse essa valorização aos seus clientes. A verdade é que quem realmente gosta do seu trabalho e admira seu talento, vai comprar o produto, independente do seu preço. O relacionamento com o cliente é muito importante.

Postagens Recentes

Deixe um Comentário